HOMENAGENS

Ghiggia, carrasco do Brasil na Copa do Mundo de 1950, tem os pés imortalizados na calçada da fama do Maracanã, em dezembro de 2009

Homenagem da CBF à Nílton Santos, em dezembro de 2006

Nílton Santos é imortalizado com uma estátua na frente do Engenhão, em 2009

Inauguração da estátua de Garrincha no Engenhão, em janeiro de 2010

Garrincha é homenageado na calçada da fama do Maracanã, em 2008

Jairzinho ganha estátua do Botafogo em 2010

Estátua de Pelé feita em argila e que será fundida em bronze, para ser colocada em praça pública na cidade de Santos

Juventus-SP homenageia Pelé pelo gol mais bonito de sua carreira, feito no dia 2 de agosto de 1959, na vitória santista por 4×2, na Rua Javari

Vasco homenageia, em 1997, campeões sul-americanos de 1948

Jogadores do Cruzeiro, campeões brasileiros de 1966, relembram a conquista histórica

Festa na inauguração do busto de Domingos da Guia, o melhor zagueiro brasileiro de todos os tempos, na sede do Bangu, o 1º clube de Domingos

Festa de inauguração do Memorial das Conquistas em 2003, na Vila Belmiro, com a presença de ex-jogadores do Santos dos anos 60

Homenagem do Fluminense aos campeões brasileiros de 1970

Lula entrega prêmio para Rivelino, em 2007

Flamengo, de 1981 x Fluminense, de 1976, em 28 de junho de 2009

Inauguração da estátua de Zico no Maracanã, em 26 de dezembro de 2009

Inauguração da estátua de Romário em São Januário, em 2007

Atlético-MG homenageia ex-jogadores e treinadores, de várias épocas, em 2008

Idário, o “Deus da raça” do Corinthians

*O ex-lateral-direito, que jogou 475 partidas pelo Timão, faleceu em 18 de setembro de2009.

___________________________________________

Bebeto coloca os pés na calçada da fama do Maracanã, em 2009

Andrade homenageia o ex-goleiro Zé Carlos, que foi titular do Flamengo de 1986 a 1991 e em 1996 e 1997

*Zé Carlos, que foi o 3º goleiro da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1990, faleceu em 24 de julho de 2009, com apenas 47 anos.

____________________________________________

Bustos de Ademir da Guia (1962/77), Junqueira (1931/45) e Waldemar Fiúme (1941/58), craques do Palmeiras e imortalizados no Palestra Itália, em SãoPaulo /// Vídeo amador

*Entre parênteses o período em que cada jogador atuou pelo Verdão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s